17 jan

(Alguns) Erros e acertos na elaboração de um currículo


Com muita frequência sou abordada com a pergunta: Como devo elaborar meu currículo? Tem como me indicar um modelo?

Em primeiro lugar, enfatizo que o currículo deve chamar a atenção do recrutador e fazer com que ele leia até o final e o candidato seja chamado para a entrevista. Por isso, é importante observar algumas regras fundamentais que vão além da clareza, objetividade e um visual agradável.

A primeira coisa que eu chamo a atenção é que o currículo é como uma apresentação da própria vida, um reflexo do que o candidato é na realidade. Muitas vezes temos ótimos candidatos com péssimos currículos, por isso acabam passando uma imagem ruim.

Ao invés de indicar modelos (disponíveis às pencas na internet para qualquer um), tenho orientado que os profissionais atentem para algumas regras básicas, como:

- Evitar fotos inadequadas, erros de português, letras coloridas.

- Colocar logo no início, após os dados pessoais, o objetivo ou cargo pretendido.

- Observar a ordem cronológica, onde o último emprego apareça em primeiro lugar.

- Colocar apenas os dados pessoais importantes. Não é necessário colocar número da carteira de identidade, certificado de reservista, nomes dos pais, número do título eleitoral. Deixar bem visíveis o nome, e-mail, telefones de contato.

- Frases feitas não causam impacto positivo, muito pelo contrário. Escrever, por exemplo, “profissional pró-ativo, em busca de novos desafios, com muita vontade de ajudar a empresa a atingir seus objetivos” não irá conquistar o recrutador ou quem quer que esteja selecionando os currículos.

- Observar a seguinte ordem ajuda: 1 – dados pessoais 2- Resumo das qualificações 3- Formação e experiências profissionais 4 – Idiomas, cursos e conhecimento de informática 4 – Prêmios, vivências no exterior, trabalhos voluntários 5 -  Observações adicionais

- Não mentir, nunca! Colocar somente informações pessoais, experiências e qualificações verdadeiras. Por exemplo, se o inglês é intermediário, jamais colocar “fluente”.

 

Lourdes Lovison - Gerente Executiva

Grupo Advis – Divisão de Seleção e Talentos